Fui demitido, o que fazer?

A demissão é um medo recorrente para muitos brasileiros, principalmente pela dificuldade de encontrar um novo emprego. Mas se por acaso você se encontra nessa situação, é importante saber como proceder para não acabar ainda mais prejudicado. Foi demitido? Confira as informações a seguir e saiba o que fazer:

Garanta o recebimento dos seus direitos

Se você foi dispensado do seu cargo, o primeiro passo é conferir tudo que você tem direito a receber, desde o FGTS até o PIS/PASEP.  Vale lembrar que o abono salarial é pago mesmo quando o funcionário não está atuando no mercado, por isso vale ficar atento ao calendário PIS 2020, para quem trabalhou em empresa privada e calendário PASEP 2020, para quem atuou na rede pública.

Solicite o seguro desemprego

Além dos direitos mencionados, o trabalhador deve estar igualmente atento para o prazo de solicitação do seguro desemprego. O benefício fica disponível quando o funcionário é demitido sem nenhuma apresentação de justa causa considerava pelas leis trabalhistas.

O benefício pode ser pago em até 5 parcelas, dependendo exclusivamente do tempo de serviço prestado pelo funcionário. Só tem direito a solicitar o auxílio, quem possuía a carteira assinada por mais de 9 meses, o que possibilita o pagamento mínimo de 3 parcelas. O pagamento máximo de mensalidades fica destinado aos trabalhadores com mais de 24 meses de serviço.

Atualize o seu currículo

Como você estará voltando para o mercado de trabalho, é essencial atualizar o seu currículo. Vale a pena verificar os modelos que estão sendo mais realizados no momento e refazer o seu documento de identificação para a empresa.

Uma outra dica bem interessante é preparar o seu currículo de acordo com a vaga ofertado, modificando os objetivos e inserindo somente as experiências e qualificações que interessam para a área em questão. 

Utilize aplicativos e sites 

A tecnologia trouxe diversas facilidades para o nosso dia a dia e você pode utilizar alguns recursos para simplificar a sua buscar por emprego. Na web, existem vários sites disponíveis para você elaborar o seu currículo digital e assim, as empresas conseguem contatar você mais facilmente.

Além dos próprios sites, o usuário pode baixar alguns aplicativos destinados para esse uso de forma gratuita. A participação em grupos de vagas de emprego tanto no WhatsApp quando no Facebook também são uma opção considerável para quem vai voltar a concorrer no mercado de trabalho e precisa estar atento às oportunidades.